Longões: o segredo para completar uma maratona

Um dos segredos para correr uma boa maratona é conseguir manter o ritmo depois dos 30 km, e essa habilidade é conquistada nos longões. Esse tipo de treino feito uma vez por semana pode dar segurança e ritmo ao corredor para encerrar os 42,195 km.

O longão serve para você avaliar suas condições para uma maratona, serve como uma previa para o que você pode fazer durante a maratona. Na preparação do longão você deve todos os seus hábitos de treino sem esquecer a hidratação, a alimentação e o descanso antes e depois.

A proposta do longão é correr bem próximo ao ritmo que você pretende correr a maratona. O ideal é que se for atleta amador seu percurso deve variar de 25 a 30 km; se for um veterano até 36 km. O que conta é o volume que atleta correu durante a semana e não esquecer de correr com a vestimenta e o tênis que você irá utilizar.

Distância emblemática, os 42 km carregam um misto de sofrimento e superação que só quem atravessa o pórtico de chegada entende. A cada ano, a maratona atrai milhares de corredores em busca desse sentimento de conquista; e, por outro lado, repele outros tantos que julgam impossível essa missão de conciliar lazer com os filhos, jantares com a mulher ou marido, encontro com os amigos e aquela lesãozinha chata no joelho com um treinamento que pode exigir uma certa mexida na agenda lotada. Mas talvez o que falte a muitos desses maratonistas em potencial não seja tempo, mas uma bela dose de planejamento e um treino sob medida para as suas necessidades.

A maioria dos treinadores afirma que fazer um treino longo por semana na fase específica de preparação é muito importante e fundamental para ganhar resistência. Um dos segredos para correr uma boa maratona é conseguir manter o ritmo depois dos 30 km, e essa habilidade é conquistada nos longões. E você também ganha confiança para a segunda metade da prova, quando tudo começa a ficar mais difícil.

Esses treinos longos também são uma ótima oportunidade para praticar a estratégia de reposição de energia e a logística para o dia da prova. E mais, esse tipo de treino desenvolve preparo mental para que você aguente correr por tanto tempo. Por isso, podem ser feitos semanalmente; mas a cada três ou quatro semanas, tire um descanso do treino longo e corra por menos tempo. Isso dá uma margem de segurança e te ajuda a não treinar demais. Se é a sua primeira maratona, uma sugestão é fazer os longões em ritmo fácil: concentre-se apenas em cumprir a distância e em terminar a corrida se sentindo bem.

Anúncios

Um detalhe muito importante: o ultimo longão forte deve ser realizado três semanas antes da prova.

 

Bons longões!!!

 

Imagem destacada, atleta José Mauricio Cabral

Consultoria, Professor Luiz Tavares Assessoria Esportiva: www.ectavares.com.br